Mari e Malu: Capítulo 7

Postado: 22 dez 2017 | 2 Comentários

Capítulo 07 (sexta)

Malu acordou cedo como de costume e ligou para Mari:

– O que você gosta de café da manhã? – perguntou Malu

– Café – respondeu Mari com voz de sono.

– E o que mais? Frutas, panquecas, waffle, tapioca?

– Café.

– Acho que te programaram errado, você só sabe dizer uma palavra pela manhã?

– Café

– Entendi. – disse Malu rindo.

– Você vem pra cá agora? Perguntou Mari.

– Não, só estava fazendo uma pesquisa.

– Sobre cafés da manhã?

– Sim.

– Você é estranha!

– Eu sei!

– Já está indo trabalhar? Não quer me ver antes? perguntou Mari fazendo charme

– Adoraria, mas não dá tempo. Estou terminando de me arrumar e ir pra labuta.

– Tá bom, quando eu estiver 100% viva eu te ligo.

– Okzinho.

As duas desligaram e Malu saiu para o trabalho. Hoje a gravação seria com poucos artistas já que as equipes estavam divididas para agilizar o tempo.

Malu gravou a manhã inteira com Rafael, almoçando no local das gravações junto com o pessoal.

Mari ligou para Malu agora que estava bem acordada.

– Bom dia!

– Já é quase meio dia, Mari. – respondeu Malu

– Eu sei, mas só agora me sinto acordada. – disse rindo.

Malu riu e disse que ia almoçar pelo local de gravação.

– Então nada de almoçarmos juntas? – perguntou Mari

– Hoje não, infelizmente!

– Hum… – resmungou Mari do outro lado do telefone.

– Mas amanhã estou de folga, que tal?

– Agora sim, estamos conversando. – respondeu Mari, animada.

– Agora tenho que ir, mas a gente combina com mais calma.

– Tá bom. Beijinho.

– Beijinho

À tarde, foi a vez de Sandra gravar suas cenas. Malu e Sandra ficaram muito à vontade uma na companhia da outra. A amizade crescia pouco a pouco. Na hora do descanso para o lanche da tarde, Malu e Sandra se sentaram mais afastadas da equipe, que saiu para comer em outro local ali perto.

– Estou adorando o projeto, tanta gente legal. – falou Sandra

– É verdade! Dei muita sorte. – confirmou Malu

– O pessoal falou em sair hoje todo mundo junto já que amanhã não teremos gravação. Sei lá, um barzinho ou pizzaria.

– É uma boa ideia.

– Eu tenho só que encontrar um amigo antes. – disse Sandra

– Amigo? –perguntou Malu com cara de desconfiança

– Tá , não é só amigo, mas também não é namorado.

– Entendido!

– E você e Rafael?

– Meu Deus! Como o Lucas é fofoqueiro.

Sandra riu e disse que Lucas tinha comentado que os dois já tinham ficado.

– Ficamos, mas hoje em dia estou com uma garota que gosto muito. Eu e o Rafael nunca fomos pra frente.

– Ah! Entendido! – falou Sandra rindo.

– Por que você não o chama para hoje à noite? – perguntou Malu sobre o amigo de Sandra.

– Não, é coisa de trabalho. Prefiro encontra-lo antes e depois ir encontrar vocês.

– Você vai né, Nossa coordenadora do coração?

– Claro. Vou sim.

No final do dia todos os membros da equipe se reuniram em uma charmosa pizzaria da cidade. O clima foi de descontração e diversão. Várias fotos, filmagens para daily vlogs, postagens e mais postagens foram feitas durante a noite.

Enquanto isso Mari estava em casa produzindo conteúdo para seu canal e seu site. Apesar da saudade ela entendia que Malu estava vivendo um momento importante na carreira.

Sandra sentou do lado de Malu e as duas conversaram o tempo todo. O assunto homossexualidade entrou em pauta na mesa e Malu deixou claro para todos os que ainda não sabiam que ela estava com uma garota.

– Eu nunca fiquei com uma mulher, mas… nunca diga nunca né? – afirmou Sandra para o pessoal da mesa.

Malu olhou surpreendida para Sandra.

– Disso eu não sabia, Sandra. – falou Malu.

– Talvez seja por isso que eu ainda não tenha feito sexo com nenhum garoto. – respondeu Sandra mais baixo, só para Malu ouvir.

Sandra se sentia confortável para falar as coisas para Malu, via nela uma amiga aberta a escutar e compreender certas coisas que não dizia a qualquer pessoa.

Após lancharem todos foram pra suas casas. Malu preferiu não passar na casa de Mari para fazer uma surpresa para ela na manhã seguinte. Só mandou mensagem avisando que tinha chegado no hotel e que estava com saudade.

Malu tinha o sábado de folga então acordou cedo, passou no mercado e comprou tudo para um super café da manhã e foi para a casa de Mari onde o Lucas já havia chegado mais cedo para ajudar.

Chegou no prédio onde Mari morava e avisou seu Antônio na portaria.

– Seu Lucas já me avisou pra não interfonar, que é surpresa. Pode ir lá.

– Obrigada, seu Antônio. – disse Malu enquanto entrava no prédio cheia de sacolas.

Lucas abriu a porta para Malu e a ajudou a montar o café na mesa. Agora é com vocês, eu vou indo.

– Obrigada, amigo. Tchau, tchau.

– Tchau! Sucesso!

Malu foi até o quarto de Mari bateu na porta e viu que ela ainda estava dormindo. Se aproximou da cama e chamou seu nome baixinho.

– Malu? O que você está fazendo aqui? – perguntou Mari surpresa

– Levante-se para tomar o melhor café da manhã do mundo. – disso Malu animada.

– Tá, mas vai lá fora que eu to toda amassada. – disse Mari com voz de sono.

– Ok. Apesar de ter certeza que você está linda, vou só porque não avisei antes. Vou te dar um desconto. – disse Malu enquanto saia do quarto.

Alguns minutos depois Mari levantou-se e foi ainda de pijama abraçar e beijar Malu.

– Sua doida! – disse enquanto dava vários beijos em Malu.

– Por isso não te liguei à noite, precisava preparar o menu. Vamos comer? – disse Malu rindo.

– E eu achando que você tava cansada. – reclamou Mari fazendo charme

– Eu estava, mas é um cansaço junto com realização. E cansada ou não, eu queria muito te ver. Ontem terminamos o trabalho numa pizzaria com a equipe e depois fui pro hotel, quando te mandei mensagem.

– Que mesa mais linda! – exclamou Mari, ao entrar na sala.

– E tem café!  – falou Malu rindo. – Estou encantada com suas canecas!

– Viu minha coleção?

– Vi sim!

– A minha favorita é esta aqui – disse Mari enquanto se levantava e buscava uma caneca branca com um frase grafada.

– “Cada segundo é tempo para mudar tudo para sempre.” Charles Chaplin.

– Quando achei essa caneca em uma loja, não tinha como não trazê-la para casa.

– Mas você lembrou de pagar antes, né? perguntou Malu.

– Claro! – disse Mari enquanto ria.

– Adorei!

As duas riram e tomaram o café da manhã com calma.

– Você está de folga hoje? – perguntou Mari

– Sim e como está o seu dia?

– Estou livre. Quer passar o dia comigo? – perguntou Mari.

– Claro! – respondeu Malu, animada.

Elas finalmente teriam bastante tempo juntas. As duas se olharam e se beijaram. Mari, enquanto abraçava Malu a direcionava para o seu quarto.  Malu parou de beijar Mari e a olhou nos olhos enquanto sorria. As duas sabiam o que estava para acontecer e o frio na barriga era enorme.

 

← Leia o 6º Capítulo de Mari e Malu

← Leia o 5º Capítulo de Mari e Malu

← Leia o 4º Capítulo de Mari e Malu

← Leia o 3º Capítulo de Mari e Malu

← Leia o 2º Capítulo de Mari e Malu

← Leia o 1º Capítulo de Mari e Malu

 

2 Comentários

  1. Ana júlia disse:

    Quando vai colocar o próximo capítulo? Estou louca para ler ! Aguardo ansiosamente !

    • A Letra L disse:

      Olá, Ana Júlia. O próximo capítulo estará no site semana que vem, dia 05/01 (sexta-feira).
      Já é cadastrada para receber novidades que mandamos toda semana? É só cadastrar o seu e-mail na home do site! 😉

Deixe o seu comentário!

Receba dicas e novidades